Tragédia: 6 adultos, 3 crianças encontrados mortos, 7 vítimas carbonizadas são descobertas em cena chocante.

Nove pessoas foram encontradas mortas em duas casas na cidade de Mata de São João, na Região Metropolitana de Salvador, na manhã desta segunda-feira (28). Entre as vítimas, três são crianças e sete corpos foram carbonizados.

As duas residências onde os corpos foram encontrados estão localizadas na região conhecida como Portal do Lunda, zona rural da cidade, próxima a uma escola municipal.

Segundo a Polícia Militar, dois corpos de mulheres foram encontrados em uma das casas, apresentando ferimentos de tiros. Já os outros sete corpos, inclusive das crianças, estavam carbonizados na segunda residência. Uma adolescente foi resgatada com graves queimaduras da mesma casa onde foram encontradas as vítimas carbonizadas.

Diante dos acontecimentos, a Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) determinou o reforço do policiamento na região. Uma das hipóteses investigadas é a ocorrência de uma chacina.

Inicialmente, a Polícia Civil informou que eram quatro adultos e cinco crianças as vítimas, mas a informação foi atualizada pelo coordenador regional Maurício Botelho.

A adolescente de 12 anos, que sofreu queimaduras em mais de 50% do corpo, recebeu atendimento do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e será encaminhada ao Hospital Geral do Estado (HGE), em Salvador. Não há informações detalhadas sobre o estado de saúde da jovem.

A Polícia Militar também informou que o policiamento na região foi intensificado e que estão sendo realizadas diligências para investigar os responsáveis pelo crime. A comunidade está abalada com a tragédia, e as autoridades irão prestar apoio psicológico aos familiares das vítimas.

Os motivos que levaram a essa tragédia ainda são desconhecidos, mas as investigações já estão em andamento para elucidar o caso e trazer justiça para as vítimas. A população local aguarda respostas e espera que os culpados sejam identificados e punidos conforme a lei.

Jornal Rede Repórter - Click e confira!




Botão Voltar ao topo