Torcida brasileira faz a diferença e bate recorde de público na Billie Jean King Cup em São Paulo


No último fim de semana, a equipe brasileira de tênis feminino enfrentou a Alemanha em busca da classificação para a fase final da Billie Jean King Cup, no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo. Embora a classificação não tenha sido alcançada, as tenistas brasileiras ressaltaram um aspecto positivo: a presença massiva da torcida.

Com um recorde de público para um torneio de tênis no Brasil, aproximadamente 9.600 pessoas estiveram presentes no ginásio para apoiar as atletas. A torcida foi fundamental durante as partidas, proporcionando energia e apoio para as jogadoras. A atleta Laura Pigossi expressou a importância desse suporte, destacando a diferença que faz ter o público ao seu lado durante as competições.

Carolina Meligeni, que entrou em quadra como a última representante brasileira, também enfatizou a influência positiva da torcida. Ela ressaltou que nunca havia jogado diante de tantos torcedores brasileiros em sua carreira. A presença e o incentivo do público foram cruciais para manter o time brasileiro próximo da virada nas partidas.

Mesmo com a derrota para a Alemanha por 3 a 1, as tenistas e o capitão da equipe, Luiz Peniza, lamentaram o resultado, mas reconheceram a importância de valorizar o esporte feminino. A atleta Beatriz Haddad Maia aproveitou o momento para agradecer ao público pela presença ao longo do confronto, ressaltando a significância do apoio ao esporte feminino.

A torcida presente no Ginásio do Ibirapuera foi liderada pelo Movimento Verde Amarelo, conhecido por acompanhar a seleção brasileira de futebol. Com aproximadamente 100 torcedores vindos de oito estados diferentes, o grupo organizado agitou as arquibancadas com bandeirões e sinais de apoio para as tenistas brasileiras. Sua presença em eventos esportivos, incluindo competições paralímpicas, demonstra o comprometimento e paixão pela representação do Brasil no cenário esportivo.

A presença da torcida e o apoio incondicional durante o confronto contra a Alemanha ressaltam a importância do suporte das arquibancadas para o desenvolvimento e sucesso do esporte brasileiro. A valorização do esporte feminino e a união em torno das atletas são essenciais para o crescimento e reconhecimento das mulheres no cenário esportivo nacional.

Jornal Rede Repórter - Click e confira!



Botão Voltar ao topo