SENADO FEDERAL – Projeto de lei que reconhece evento “Evangelizar é Preciso” como manifestação da cultura nacional é aprovado pela Comissão de Educação.

O evento “Evangelizar é Preciso”, realizado em Fortaleza (CE), ganhou destaque nesta terça-feira (14) ao ter seu reconhecimento como manifestação da cultura nacional por meio da aprovação de um projeto de lei pela Comissão de Educação (CE). O PL 528/2024, de autoria da ex-senadora Augusta Brito (PT-CE), foi aprovado com um parecer favorável do senador Cid Gomes (PSB-CE) e agora segue para apreciação na Câmara dos Deputados, a menos que haja algum recurso para análise em Plenário.

O objetivo do projeto, segundo Augusta Brito, é destacar a importância e a expressividade do evento “Evangelizar é Preciso”, que atrai anualmente cerca de meio milhão de pessoas. A autora do PL ressaltou também o potencial da iniciativa em impulsionar o turismo religioso em Fortaleza, comparando-a com o município de Aparecida, em São Paulo, conhecido por receber milhares de fiéis todos os anos.

Para o relator, senador Cid Gomes, o projeto não apenas valoriza uma tradição cultural significativa, mas também contribui para o desenvolvimento econômico e turístico, enfatizando a relevância da fé na sociedade brasileira. O evento “Evangelizar é Preciso” teve início em 2008, fruto da parceria entre a Associação Evangelizar é Preciso e o Padre Orsiní Nuvens Linard, da Igreja da Piedade, com o propósito de fortalecer a instituição familiar e disseminar valores por meio de músicas, sermões e celebrações.

Cid Gomes destacou a capacidade extraordinária do evento em reunir um público cada vez maior a cada edição, chegando a atrair mais de 300 mil pessoas em sua primeira versão realizada no aterro da Praia de Iracema. Atualmente, o evento conta com a participação de mais de meio milhão de pessoas, vindas de diversas regiões do Brasil, reforçando sua relevância e impacto cultural.

Jornal Rede Repórter - Click e confira!




Botão Voltar ao topo