Professores da rede estadual de ensino se destacam no Prêmio Educador Transformador do Sebrae e Instituto Significare com projetos inovadores.


Quatro professores da rede estadual de ensino se destacaram como vencedores do Prêmio Educador Transformador, uma iniciativa promovida pelo Sebrae em parceria com o Instituto Significare e Bett Brasil, que reconhece projetos educacionais inovadores e alinhados à Educação Empreendedora.

Os educadores premiados atuam nas categorias de ensino fundamental, ensino médio e Educação de Jovens e Adultos (EJA). Entre os premiados, a Escola Estadual Ambrósio Lira se destacou conquistando o 1° lugar no ensino médio na etapa estadual e o 3° lugar na fase regional, competindo com projetos de toda a região Nordeste.

Outras escolas estaduais também foram reconhecidas, como a Escola Estadual Judith Nascimento, que conquistou o 1° lugar na categoria EJA e o 3° lugar no ensino médio. Enquanto a Escola Estadual Graciliano Ramos e Otacílio Holanda ficaram em 2° e 3° lugares, respectivamente, nas categorias de ensino médio e ensino fundamental.

A cerimônia de premiação ocorreu no Restaurante Anamá, em Maceió, e contou com a presença dos professores vencedores e do superintendente de Desenvolvimento do Ensino Médio da Seduc, Ricardo Lisboa. Em suas palavras, Lisboa destacou a importância do reconhecimento desses projetos diferenciados, ressaltando a relevância do empreendedorismo na educação e o impacto transformador que a educação pode ter em toda a sociedade.

Os projetos premiados na rede estadual se destacaram por suas abordagens inovadoras e impactantes. Na categoria de Anos Iniciais, o projeto “Intercâmbio da Leitura” da professora Alana dos Santos da Escola Estadual Otacílio Holanda, em Maceió, incentivou a leitura entre os alunos, promovendo o desenvolvimento da fluência leitora e a interação entre estudantes de diferentes faixas etárias. Esse projeto tem sido um sucesso desde 2021.

No Ensino Médio e EJA, o projeto “Festival Estudantil de Registros e Vivências em Artes (F.E.R.V.A)” do professor Bruno Alves se destacou ao priorizar a arte e o talento estudantil, proporcionando um espaço para expressão criativa e cultural dos alunos. Essa iniciativa se tornou uma das atividades mais aguardadas do calendário escolar.

Outros projetos premiados abordaram temas como a inclusão de mulheres na ciência, a promoção do marketing digital entre os estudantes, e o desenvolvimento de habilidades através de jogos educativos. Essas iniciativas demonstraram o comprometimento dos professores e o potencial transformador da educação em nossa sociedade.

Em sua segunda edição, o Prêmio Educador Transformador recebeu um total de 3460 projetos de professores de todo o país, representando um aumento significativo em relação à edição anterior. Esses números evidenciam o engajamento e a criatividade dos educadores brasileiros em promover uma educação mais inovadora e empreendedora.

Dessa forma, a premiação desses professores da rede estadual de ensino destaca não apenas suas conquistas individuais, mas também o potencial transformador da educação em nosso país. Parabéns a todos os educadores premiados e que seus projetos sirvam de inspiração para novas iniciativas educacionais em todo o Brasil.

Jornal Rede Repórter - Click e confira!



Botão Voltar ao topo