Prefeitura de Maceió realiza mutirão em borracharias para recolher pneus descartados e garantir a destinação correta.

A Prefeitura de Maceió realiza nesta quarta-feira (16) o Mutirão de Coleta de Pneus inservíveis nas borracharias e pontos de descarte de resíduos da cidade. A ação, chamada de Dia D dos Pneus – Educar e Orientar, faz parte do programa Maceió Unida Contra a Dengue, que está em sua terceira edição este ano.

O objetivo do mutirão é prevenir os danos ambientais e os riscos para a saúde pública causados pelo descarte inadequado de pneus. Além disso, pretende-se educar e conscientizar os responsáveis pelas borracharias sobre a logística reversa, incentivando o descarte correto desses materiais que não serão mais utilizados.

A iniciativa, coordenada pela Autarquia Municipal de Desenvolvimento Sustentável e Limpeza Urbana (Alurb), terá duração de seis horas, das 8h às 14h, e irá percorrer borracharias, pontos de descarte irregular e outros locais onde possam ser encontrados pneus acumulados.

Kedyna Tavares, diretora-executiva da Alurb, ressalta a importância da ação para a conscientização da população sobre a prevenção do mosquito Aedes aegypti. Segundo ela, o descarte incorreto de pneus inservíveis representa um risco para o meio ambiente e para a saúde das pessoas. Por isso, é fundamental educar os proprietários das borracharias e a população em geral sobre o armazenamento adequado e o descarte correto desses materiais.

Para facilitar a coleta de pneus, também serão disponibilizados quatro pontos fixos, onde equipes de educação ambiental, fiscais, agentes de endemias e da vigilância estarão presentes. Os pontos fixos funcionarão no mesmo horário do mutirão, das 8h às 14h, e serão instalados nas seguintes praças: Santo Eduardo (Poço), Faculdade (Prado), Padre Cícero (Vergel), Padre Cícero (Benedito Bentes) e Padre Cícero (Osman Loureiro).

Além da Alurb, outras secretarias municipais também estão envolvidas nas atividades, como a Secretaria Municipal de Segurança Cidadã (SEMSC), a Secretaria Municipal de Abastecimento, Pesca e Agricultura (SEMAPA) e a Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Gerência de Vigilância das Doenças Transmitidas por Vetores e Animais Peçonhentos, da Vigilância Sanitária e dos Agentes de Combate às Endemias.

Jornal Rede Repórter - Click e confira!




Botão Voltar ao topo