Justiça Federal de Santos expede mandado de prisão contra Robinho, que será encaminhado para complexo penitenciário de Tremembé.


Após decisão do Superior Tribunal de Justiça para execução imediata da sentença de Robinho, ex-jogador condenado por estupro na Itália, a Justiça Federal em Santos emitiu mandado de prisão contra o mesmo. O destino do jogador será o complexo penitenciário de Tremembé, localizado a aproximadamente 130 km de São Paulo, conhecido por abrigar criminosos famosos e de grande repercussão nacional.

O complexo de Tremembé é lar de diversos detentos conhecidos, como Alexandre Nardoni, Cristian Cravinhos, Lindemberg Alves, Gil Rugai e Roger Abdelmassih. Cada um desses indivíduos possui uma história marcada por crimes notórios e tem ou teve custódia na penitenciária de Tremembé. Além deles, Elize Matsunaga e Suzane von Richthofen também passaram por essa mesma unidade prisional.

A Penitenciária Dr. José Augusto Salgado, também conhecida como Tremembé 2, é destinada a presos envolvidos em crimes de alto perfil, como estupradores, ex-agentes penitenciários e ex-policiais. Com capacidade para 408 pessoas, a grande maioria dos detentos possui ensino médio ou nível superior completo, o que torna a prisão mais controlada em comparação com outras unidades prisionais.

O caso de Robinho chama a atenção não só por sua carreira no futebol, mas também pelo crime do qual foi condenado. Sua chegada ao complexo de Tremembé certamente colocará ainda mais holofotes sobre essa instituição conhecida por abrigar alguns dos criminosos mais notórios do país. A sociedade agora aguarda para ver como será o desenrolar desse caso e como a justiça será feita no caso do ex-jogador.

Jornal Rede Repórter - Click e confira!



Botão Voltar ao topo