Justiça Eleitoral do Ceará autoriza desfiliação de 14 deputados do PDT ligados a Cid Gomes após disputa interna no partido.


Nesta quarta-feira, o Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) tomou uma decisão por unanimidade que impactou diretamente a política local. Os 14 deputados estaduais vinculados ao grupo político do senador Cid Gomes (PSB), que estavam filiados ao PDT, conseguiram autorização para se desfiliarem da sigla. Esse desfecho ocorreu após os parlamentares terem travado uma disputa interna com a ala liderada pelo ex-governador Ciro Gomes, resultando na migração de Cid e 40 prefeitos para o PSB em fevereiro deste ano.

Desde dezembro passado, quando os parlamentares acionaram a justiça para obter a liberação da filiação partidária, a situação política no PDT tem sido bastante conturbada. A alegação de justa causa apresentada pelos deputados estaduais foi reconhecida pela Corte do TRE-CE, composta por sete magistrados, que entenderam que houve grave discriminação política e pessoal contra o grupo de Cid Gomes.

Dentre os parlamentares beneficiados pela decisão do TRE-CE está Lia Gomes, irmã dos políticos e que tomou o lado do senador na disputa partidária. As divergências entre Cid e Ciro giram em torno do apoio ao PT no estado, com o senador buscando uma base e o ex-governador preferindo ser oposição.

A decisão do Tribunal Eleitoral de liberar as desfiliações gerou reações distintas. Enquanto os deputados estaduais comemoraram a possibilidade de deixar o PDT sem perder seus mandatos, o presidente nacional do partido, o deputado federal André Figueiredo, afirmou que irá recorrer da decisão. Antes disso, o Ministério Público Eleitoral já havia se manifestado contra as desfiliações, alegando que as divergências políticas não configuravam grave discriminação contra os autores da ação.

Com toda essa reviravolta no cenário político cearense, fica a expectativa de como essas mudanças irão impactar o futuro do PDT no estado e as eleições futuras. O confronto entre Cid e Ciro Gomes, que se arrasta há tempos, promete continuar a influenciar os rumos da política local.

Jornal Rede Repórter - Click e confira!



Botão Voltar ao topo