Hospital do Coração Alagoano realiza 480 cirurgias cardíacas em seu primeiro ano, sendo considerado um dos mais eficientes do país

O deputado estadual Doutor Wanderley, do partido MDB, fez um importante pronunciamento durante a sessão plenária desta quarta-feira, 6, apresentando um relatório dos atendimentos realizados no Hospital do Coração Alagoano Dr. Adib Jatene, que completou seu primeiro ano de funcionamento. Em seu discurso, Wanderley destacou a importância dessa unidade de saúde no combate às doenças cardiovasculares, que são responsáveis por um alto índice de mortalidade em todo o mundo.

Segundo o parlamentar, o Hospital do Coração se tornou uma referência no tratamento dessas doenças, posicionando-se entre os 30 mais eficientes do país. Em seu primeiro ano de atividade, foram realizadas 480 cirurgias cardíacas na unidade hospitalar. Wanderley comemorou esse feito, lembrando que quando inaugurou a unidade de cirurgia cardíaca na Santa Casa, levou 10 anos para atingir esse mesmo patamar de eficiência.

Além das cirurgias, o deputado também ressaltou outros procedimentos realizados no hospital, como implantações de marcapassos, cateterismos cardíacos e angioplastias. Ele destacou que o Hospital do Coração é uma obra do governo de Alagoas, que contou com o apoio do Parlamento alagoano. Essa iniciativa é um reflexo do compromisso do governo em defesa da vida das pessoas.

O Hospital do Coração lançou um projeto ambicioso, que visa atender todos os pacientes que chegam às unidades de pronto atendimento e hospitais regionais com infarto, por meio da telemedicina. O paciente recebe o resultado do infarto em apenas 10 minutos, bem como orientações de como tratá-lo. Essa agilidade no atendimento tem contribuído significativamente para reduzir a taxa de mortalidade em casos de infarto em Alagoas.

Doutor Wanderley, que é reconhecido como um dos médicos mais conceituados na área cardíaca em Alagoas, explicou que quando um infarto é atendido em menos de duas horas, em um hospital com estrutura adequada, a chance do paciente vir a óbito é extremamente baixa, ficando abaixo de 4%. Por outro lado, quando o atendimento demora mais, a taxa de mortalidade chega a 20%. Além disso, as pessoas que sobrevivem a um infarto sem o atendimento adequado ficam com o coração mutilado.

O deputado informou que Alagoas é o primeiro estado do país a implementar um atendimento desse tipo para os pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS). Recentemente, o secretário de Saúde Gustavo Pontes de Miranda e o diretor do Hospital do Coração, Otoni Verissimo, se reuniram com a ministra da Saúde Nísia Trindade para compartilhar as experiências bem-sucedidas de Alagoas e replicar o projeto em outros estados.

Os deputados Henrique Chicão (Republicanos) e Flávia Cavalcante (MDB), que estavam presentes na sessão plenária, elogiaram o trabalho e empenho de Doutor Wanderley em prol da saúde dos alagoanos. Chicão agradeceu ao deputado por seu comprometimento e dedicação à saúde, destacando que a população do estado deve muito a ele. Já Flávia Cavalcante parabenizou Wanderley por sua atuação como médico e deputado, enfatizando que a Assembleia Legislativa está colaborando para salvar vidas por meio dos projetos implementados pelo governador Paulo Dantas.

Dessa forma, o Hospital do Coração Alagoano Dr. Adib Jatene tem se consolidado como uma referência em tratamentos cardiovasculares no estado, proporcionando um atendimento ágil e eficiente para os pacientes que necessitam desse tipo de cuidado. A iniciativa do governo de Alagoas em investir nesse hospital, aliado ao comprometimento do parlamento alagoano, demonstra o empenho em oferecer uma saúde de qualidade e salvar vidas.

Jornal Rede Repórter - Click e confira!




Botão Voltar ao topo