Homem agride ex-esposa e corta o próprio pulso em Jatiúca após término de relacionamento. Vítima é mãe de duas crianças.


Na tarde desta terça-feira (30), um homem cometeu um ato de extrema violência ao agredir a ex-esposa e cortar o próprio pulso com um pedaço de vidro, na Rua José Lúcio Sawer, em Jatiúca. Segundo informações obtidas, o agressor não aceitava o fim do relacionamento e teve uma reação explosiva, colocando em risco a vida da mulher.

O caso chamou a atenção das autoridades locais, que foram acionadas para intervir na situação. Uma viatura do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi prontamente enviada para o local, juntamente com a guarnição do programa Ronda no Bairro. O homem foi socorrido e encaminhado às pressas para o Hospital Geral do Estado (HGE), onde os médicos avaliaram a gravidade do ferimento e a possibilidade de intervenção cirúrgica.

A tragédia não termina por aí. A vítima, que é mãe de duas crianças, um bebê de 1 ano e outra de 8 anos, teve que lidar não apenas com a agressão do ex-companheiro, mas também presenciar a cena chocante da autolesão. As crianças foram expostas a um ambiente de extrema violência, o que certamente deixará marcas emocionais profundas.

Após o atendimento médico, a guarnição se dirigiu ao posto da Polícia Civil no HGE para informar a situação e encaminhar o agressor para as devidas medidas legais. As autoridades estão acompanhando de perto o desdobramento do caso e esperam que a justiça seja feita para proteger a vítima e suas crianças.

É importante ressaltar a gravidade da violência doméstica e a necessidade de a sociedade estar atenta e agir rapidamente diante de situações de perigo. A violência contra a mulher é um problema recorrente que precisa ser combatido com rigor e sensibilidade. A segurança e o bem-estar das vítimas devem estar em primeiro lugar.

Jornal Rede Repórter - Click e confira!



Botão Voltar ao topo