ESPORTE – Atleta baiana Valdenice Conceição conquista terceira vaga olímpica do Brasil na canoagem velocidade para os Jogos de Paris 2024

A jovem canoísta brasileira, Valdenice Conceição, se destacou nesta quarta-feira (24) ao garantir a terceira vaga olímpica do país na canoagem velocidade para os Jogos de Paris. A atleta baiana de 24 anos conquistou a tão sonhada vaga ao vencer a prova C1 200m feminino no Pan-Americano da modalidade, realizado na cidade de Sarasota, na Flórida (Estados Unidos). Essa competição é considerada qualificatória continental para a Olimpíada, e com a excelente performance de Valdenice, o Brasil já soma um total de 191 vagas garantidas para Paris 2024.

A canoísta brasileira conquistou o ouro com um tempo impressionante de 47s730, superando a colombiana Manuela Gómez Sánchez, que ficou em segundo lugar com 49s744. Apenas as duas primeiras posições na prova garantiam a vaga olímpica, e Valdenice não deixou escapar essa oportunidade.

Além de Valdenice, o país ainda pode conquistar outra vaga na canoagem velocidade com Vagner Souta, que se classificou para a final no caiaque (K1 1000). Vagner ficou em segundo lugar em sua bateria, com um tempo de 3min43s081, ficando atrás apenas do norte-americano Jonas Ecker, que liderou a disputa com 3min41s881. A final por medalhas do K1 1000m está agendada para às 13h35 (horário de Brasília) desta quarta-feira, e apenas os dois primeiros colocados asseguram a vaga olímpica.

Na abertura do Pan em Sarosata, na terça-feira (23), a dupla brasileira Filipe Vinicius Vieira e Jacky Nascimento também conquistaram uma vaga para o Brasil nos Jogos de Paris na prova C2 500m masculino.

É importante ressaltar que as vagas conquistadas são do país, e cabe à Confederação Brasileira de Canoagem indicar os atletas que representarão o Brasil em Paris. Com atletas talentosos como Valdenice Conceição e uma equipe forte, o Brasil promete fazer bonito na canoagem velocidade nos Jogos Olímpicos de Paris 2024.

Jornal Rede Repórter - Click e confira!




Botão Voltar ao topo