EDUCAÇÃO – Ministro da Educação destaca importância da Conferência Nacional de Educação em Brasília e anuncia projetos para valorização da educação.


Na manhã deste domingo (28), o ministro da Educação, Camilo Santana, marcou presença na abertura da Conferência Nacional de Educação, que está ocorrendo em Brasília (DF). Durante o evento, Santana ressaltou a importância do documento que será elaborado até o dia 30, o qual irá orientar o plano de educação a ser entregue ao Congresso Nacional como projeto de lei.

Com a participação de cerca de 2,5 mil pessoas, incluindo representantes de diversos setores educacionais e entidades atuantes na educação, a conferência promete ser um espaço de discussão e debate de propostas para o setor.

Durante sua participação, Camilo Santana destacou as dificuldades enfrentadas pelo governo no campo da educação no início de 2023, apontando a recomposição do orçamento como uma das ações necessárias para reconstruir o Ministério da Educação (MEC). Além disso, ressaltou a importância de aprimorar o planejamento, estabelecer parcerias e melhorar os serviços prestados.

O ministro enfatizou que as propostas discutidas durante a conferência são fruto de amplas discussões realizadas em mais de 1,3 mil reuniões em cerca de 4,3 mil municípios de todas as unidades federativas do Brasil. Ele também lamentou as dificuldades encontradas e garantiu que os professores brasileiros serão valorizados, destacando as desigualdades sociais como um problema a ser enfrentado.

Santana abordou ainda a questão da alimentação, ressaltando que em muitos casos, a única boa alimentação que crianças e jovens têm é quando estão na escola. Ele também apontou para a baixa taxa de crianças alfabetizadas em alguns estados e destacou que a educação foi contemplada com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), garantindo condições de ingresso no ensino superior para os mais pobres, por meio do Fies Social e do Prouni.

De acordo com o ministro, a Conferência Nacional de Educação será um momento crucial para o debate e a construção de propostas que ajudem a melhorar o cenário educacional do país. O evento também conta com uma programação variada, que pode ser conferida no site do Ministério da Educação.

A conferência segue até o dia 30, com a participação de diversos representantes do setor educacional e da sociedade, buscando soluções e propostas para aprimorar a educação no Brasil.

Jornal Rede Repórter - Click e confira!



Botão Voltar ao topo