ECONOMIA – Ministra destaca importância de políticas ousadas para reposicionamento do Brasil na indústria e inovação

A ministra da Ciência, Tecnologia e Inovação, Luciana Santos, destacou a importância de um conjunto “ousado” de políticas públicas para reposicionar o Brasil no cenário internacional. Durante a abertura do Congresso Internacional de Inovação da Indústria, realizado no São Paulo Expo, Luciana ressaltou que medidas como a redução das emissões de carbono são essenciais para o processo de reindustrialização do país. O evento conta com cerca de 20 mil inscritos.

O governo federal planeja investir R$ 60 bilhões em projetos de inovação, sendo parte desse valor não reembolsável, devido ao risco envolvido na atividade de inovação. Luciana afirmou que “a indústria é o motor da soberania produtiva” e ressaltou a importância do encontro do Conselho Nacional de Desenvolvimento da Indústria, que há sete anos não se reunia, como um espaço crucial para o debate sobre o setor.

O presidente da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), Celso Pansera, enfatizou a abertura do governo federal para aprimorar a neoindústria e ressaltou a importância de repensar as estratégias brasileiras. Pansera destacou a necessidade de formação de grupos de trabalho com ações definidas e parâmetros claros, além de estabelecer metas para solucionar os gargalos existentes.

Durante o congresso, foi notável a preocupação com o meio ambiente e as desigualdades sociais. Decio Lima, presidente do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), ressaltou que o Brasil tem a oportunidade de mudar o paradigma da economia e se destacar internacionalmente, principalmente por seu protagonismo em espaços como o G20. Lima ressaltou a importância de resolver questões sociais antes de promover avanços na inovação, enfatizando que a inovação busca aumentar a criatividade humana e contribuir para a construção de um mundo melhor.

O Congresso Internacional de Inovação da Indústria é um momento importante para debater e compartilhar ideias sobre o desenvolvimento industrial e a promoção da inovação no Brasil. Com representantes do governo, do setor empresarial e da sociedade civil, o evento promove debates essenciais para o reposicionamento do país e a busca por soluções inovadoras para os desafios enfrentados. A expectativa é que suas discussões e propostas tenham impacto positivo e contribuam para o fortalecimento da indústria e a melhoria das condições socioambientais no Brasil.

Jornal Rede Repórter - Click e confira!




Botão Voltar ao topo