DEFENSOR DA CAUSA ANIMAL – Marx Beltrão afirma que o Brasil ainda tem muito a avançar

Sempre trabalhando em defesa da causa animal, o mandato deputado federal Marx Beltrão (PP) é marcado pela luta e pela conquista de benefícios aos animais de todo o Brasil. Na Câmara dos Deputados, o parlamentar sempre ouviu as demandas de ativistas, veterinários, sociedade civil e voluntários ligados à área, e articulou para que suas necessidades fossem supridas.

Marx já foi presidente da Frente Parlamentar de Defesa Animal e lutou para o reconhecimento legal do método de Captura, Esterilização e Devolução (CED) junto ao Ministério da Saúde, onde reclamou da falta de orçamento federal para programas de castração. Na época, também foi ao Ministério da Agricultura buscar soluções que garantissem segurança no uso das populares “vacinas anti-cio”, fortalecendo a política de castração em todo o país e levantando debates até então inéditos no Brasil.

Além disso, articulou a aprovação de inúmeros Projetos de Lei (PLs) em defesa dos animais, dentre eles a chamada “Lei Sansão”, que garante prisão para maus-tratos e aumenta a punição para o cidadão que cometer crimes contra animais, e a lei que proíbe tatuagens e piercings para fins estéticos em cães e gatos.

Dentre suas diversas contribuições, o parlamentar lutou para que os abrigos para animais sejam valorizados, para mais ações de educação ambiental e, também, para conscientizar sobre a guarda responsável de cães e gatos.

“Sempre fui dedicado à defesa da causa animal e, em Brasília, consegui muitos avanços para o bem-estar e segurança dos pets. Mas o Brasil ainda precisa avançar muito na questão dos direitos dos animais. Por isso, se reeleito, garanto que a minha luta não vai parar e continuarei sendo um defensor dessa causa tão digna”, afirmou Marx.

Jornal Rede Repórter - Click e confira!




Botão Voltar ao topo