Costureiro é investigado por suspeita de jogar companheira da janela durante churrasco em São Paulo

No último domingo (12/5), um caso chocante envolvendo violência doméstica foi registrado na Vila Medeiros, zona norte de São Paulo. O costureiro Jorge Miguel Gonzalez, de 32 anos, está sendo investigado sob a suspeita de ter jogado sua companheira, uma costureira de 25 anos, da janela do segundo andar do sobrado onde residem.

Durante a queda, o corpo de Débora Evaristo de Souza sofreu fraturas e Hemorragia cerebral, além do risco de ficar paraplégica. Enquanto a vítima jazia no chão, gravemente ferida, Jorge continuava imperturbável preparando um churrasco. A falta de socorro imediato e a aparente indiferença do suspeito causaram revolta nos vizinhos, que tiveram que intervir para ajudar a vítima e acionar o resgate.

Segundo relatos da irmã de Jorge, a empresária Simone Batista, ele teria alegado que Débora estava embriagada durante o churrasco e teria, supostamente, tentado cortar os pulsos antes de pular da janela. A versão apresentada pelo suspeito não convenceu a polícia, que prendeu Jorge Miguel sob a acusação de violência doméstica e tentativa de homicídio.

É importante ressaltar que o suspeito mantinha um relacionamento extraconjugal, vivendo com uma amante na mesma casa que Débora, com quem dividia a guarda de uma filha de 2 anos. A situação colocou em evidência as tensões no lar, culminando neste trágico episódio que chocou a comunidade local.

A defesa do costureiro não foi localizada para comentar sobre o caso. A polícia segue investigando para esclarecer os detalhes e motivos que levaram a esse ato de violência. O estado de saúde de Débora, que estável por enquanto, é acompanhado de perto pelas autoridades.

Esse lamentável incidente serve como alerta para a gravidade da violência doméstica e a importância de denunciar qualquer tipo de agressão. A sociedade deve estar atenta e unida para combater esses atos covardes que colocam em risco a integridade e a vida das mulheres.

Jornal Rede Repórter - Click e confira!




Botão Voltar ao topo