Casemiro tem lesão muscular na coxa e desfalcará Manchester United e seleção brasileira nas próximas partidas.


O volante brasileiro Casemiro terá que se ausentar das próximas partidas do Manchester United devido a uma lesão muscular na coxa. A contusão ocorreu durante a derrota da equipe para o Newcastle por 3 a 0, na quarta-feira, pela Copa da Liga Inglesa. A notícia foi divulgada pelo clube inglês em suas redes sociais nesta sexta-feira.

Além de ficar de fora dos compromissos do seu clube, Casemiro também deverá desfalcar a seleção brasileira nos dois próximos jogos das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2026. O técnico Fernando Diniz anunciará a lista dos convocados para os confrontos contra a Colômbia, em Barranquilla, no dia 16, e contra a Argentina, no Maracanã, no dia 21. Essas duas partidas serão as últimas da seleção brasileira neste ano.

O jogo contra o Newcastle marcou o retorno de Casemiro aos gramados, após uma ausência de três partidas devido a uma pancada no tornozelo. O volante, de 31 anos, teve uma atuação destacada nesta temporada, participando de 12 jogos, marcando quatro gols e dando uma assistência pelo Manchester United.

A lesão de Casemiro é uma preocupação tanto para o seu clube quanto para a seleção. O volante é peça fundamental no meio-campo da equipe inglesa, sendo responsável pela proteção da defesa e pela distribuição de jogo. Além disso, ele possui uma grande importância tática, sendo considerado um dos principais líderes do elenco.

Dessa forma, o Manchester United terá que encontrar soluções para suprir a ausência de Casemiro nos próximos jogos. O treinador do clube, juntamente com sua comissão técnica, deverá estudar opções dentro do elenco para preencher essa lacuna e manter o rendimento da equipe.

Já a seleção brasileira terá que lidar sem seu volante titular nas duas importantes partidas das Eliminatórias. Casemiro é considerado um pilar no meio-campo da equipe nacional, sendo responsável por equilibrar as ações defensivas e ofensivas. A substituição dele será um desafio para o técnico Fernando Diniz, que terá que buscar alternativas no grupo de jogadores convocados.

Agora, resta aguardar a recuperação de Casemiro e torcer para que ele possa voltar aos gramados o mais breve possível e retomar suas contribuições tanto para o Manchester United quanto para a seleção brasileira.

Jornal Rede Repórter - Click e confira!



Botão Voltar ao topo