CAMARA DOS DEPUTADOS – Aumento alarmante: 173 policiais assassinados em 2022, debate na Câmara discute medidas para proteger os agentes de segurança.

A Comissão de Segurança Pública da Câmara dos Deputados se reúne hoje para discutir um tema de extrema importância: o aumento no número de assassinatos de policiais no Brasil. O pedido para a realização do debate foi feito pelo deputado Coronel Ulysses, do União-AC, e os números apresentados são alarmantes.

De acordo com dados da 17ª Edição do Anuário de Segurança Pública, em 2022, 173 policiais foram assassinados no país, um aumento significativo em relação aos 133 casos registrados em 2021. O que chama a atenção é que a maioria dos policiais foram mortos enquanto estavam de folga. Em 2022, 7 a cada 10 policiais assassinados estavam nessa situação.

O deputado Coronel Ulysses ressalta que a taxa de assassinatos de policiais no Brasil é preocupantemente alta, com 0,83 mortes para cada 1 milhão de habitantes. Essa taxa é 72,4% maior do que a da Argentina e quase 6.000% maior do que a do Reino Unido. O deputado atribui esse aumento de mortes à legislação brasileira, que muitas vezes é vista como leniente e garantista, o que pode ampliar os confrontos entre policiais e infratores.

Para combater essa realidade, Coronel Ulysses destaca a importância de discutir medidas e propostas normativas que possam reduzir a vulnerabilidade dos profissionais da segurança pública. O debate está marcado para as 16h30, no plenário 6 da Câmara dos Deputados.

É fundamental que medidas efetivas sejam discutidas e implementadas para frear essa crescente onda de violência contra os policiais no Brasil. A segurança dos agentes que trabalham diariamente para proteger a população não pode ser ignorada, e a sociedade como um todo deve se unir para garantir um ambiente mais seguro e justo para todos.

Jornal Rede Repórter - Click e confira!




Botão Voltar ao topo