Aprenda a emitir guia para o pagamento da sexta parcela do IPTU de 2023.


Nesta quinta-feira (31), vence a sexta parcela do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) de 2023. Os contribuintes que ainda não quitaram o imposto devem acessar o site da Prefeitura de Maceió para emitir o boleto. Para isso, é necessário informar o número de inscrição imobiliária, que pode ser encontrado em carnês antigos. Além disso, o boleto também pode ser emitido utilizando o CPF do titular e o CEP do imóvel.

Uma das opções de pagamento é via Pix, QR Code, boleto físico ou digital. No caso do boleto digital emitido no site da Prefeitura, é fornecido um código de barras copiável, o que facilita o pagamento realizado em sites e aplicativos bancários.

Para aqueles que preferem a versão física do boleto, as guias podem ser impressas gratuitamente no setor de autoatendimento da Secretaria Municipal de Fazenda (Sefaz), localizada na Rua Pedro Monteiro, 47, Centro, próximo à Praça dos Palmares. O horário de atendimento é das 8h às 14h. Além disso, a Sefaz disponibiliza o e-mail de atendimento para esclarecer dúvidas e fornecer orientações.

É importante ressaltar que o atraso no pagamento do IPTU acarreta multas, juros e a inadimplência. Os imóveis que não estiverem com o imposto em dia podem ser inscritos em dívida ativa, o que pode resultar em consequências para o titular, como cobranças judiciais e a penhora de valores em conta corrente.

O IPTU é um tributo municipal cobrado anualmente e o valor arrecadado possibilita a ampliação de obras, ações e serviços essenciais para a população, contribuindo para o desenvolvimento da capital.

Portanto, os munícipes de Maceió devem ficar atentos ao prazo de pagamento do IPTU e buscar regularizar sua situação para evitar problemas futuros. A Prefeitura disponibiliza meios de emissão do boleto e canais de atendimento para auxiliar os contribuintes e esclarecer suas dúvidas. O pagamento em dia do imposto é fundamental para o desenvolvimento da cidade e manutenção dos serviços essenciais.

Jornal Rede Repórter - Click e confira!



Botão Voltar ao topo