ALAGOAS – Representantes do governo uruguaio visitam Alagoas para conhecer programas de sucesso no tratamento de AVC e infarto.

Representantes do governo uruguaio visitaram Alagoas para conhecer de perto os programas de sucesso implementados pelo Governo local, voltados para o tratamento do derrame e infarto. A comitiva do Uruguai, composta por Marcelo Lens e Lucero Sarria, foi recebida pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) em uma visita aos hospitais da rede estadual.

Os programas em destaque são o AVC Dá Sinais e o Bate Coração, que têm se mostrado eficazes no tratamento de pacientes acometidos por derrame e infarto. Os representantes uruguaios foram acompanhados pelo secretário de Saúde, Gustavo Pontes de Miranda, e outras autoridades locais durante a visita aos hospitais.

Pontes de Miranda destacou a importância da visita da delegação do Uruguai como um reconhecimento do excelente trabalho que Alagoas vem realizando na área da saúde pública. Os representantes uruguaios também expressaram interesse em implementar estratégias semelhantes em seu país, baseadas nas experiências bem-sucedidas observadas em Alagoas.

O Programa AVC Dá Sinais, criado em 2021, tem sido fundamental na redução da mortalidade por AVC na rede pública de saúde em Alagoas. Por meio de um aplicativo de telemedicina, o programa agiliza o diagnóstico e o tratamento dos pacientes, beneficiando milhares de alagoanos.

Já o Bate Coração, coordenado pelo Hospital do Coração Alagoano, busca reduzir o tempo de resposta e otimizar o tratamento do Infarto Agudo do Miocárdio. O investimento em tecnologia e a dedicação da equipe têm garantido um atendimento de qualidade à população.

A visita da comitiva do Uruguai representa um reconhecimento internacional dos avanços e das boas práticas implementadas pelo Governo de Alagoas na área da saúde. A troca de experiências e a possibilidade de compartilhar conhecimentos contribuem para o aprimoramento dos serviços de saúde em ambos os países.

Jornal Rede Repórter - Click e confira!




Botão Voltar ao topo