ALAGOAS – “Operação Satus da Polícia Civil prende 17 acusados de crimes em Maceió, contribuindo para redução de mortes violentas”


Nesta sexta-feira (29), a Polícia Civil deflagrou a Operação Satus em Maceió com o intuito de cumprir mandados de prisão expedidos pela Justiça. Coordenada pelo secretário de Segurança Pública, Flávio Saraiva, a operação resultou na prisão de 17 acusados de crimes ao longo do dia.

A megaoperação contou com o apoio de 400 policiais civis, entre diretores, delegados e os recém-empossados 300 agentes e escrivães. A ação marca a estreia dos novos profissionais nas atividades de campo, onde puderam atuar junto a policiais experientes.

Entre os crimes pelos quais os mandados foram cumpridos, destacam-se homicídio, tráfico de drogas, feminicídios, estupro de vulneráveis e violência doméstica. Os policiais atuaram em toda a região metropolitana de Maceió, contando inclusive com o apoio do grupamento aéreo da Secretaria de Segurança Pública (SSP).

A Operação Satus ganha ainda mais importância quando se leva em consideração a redução no número de mortes violentas em Alagoas. No último mês de agosto, o estado registrou o menor índice de assassinatos desde o início da série histórica, em 2012. Operações como essa contribuem significativamente para retirar criminosos das ruas, consequentemente impactando nos índices de criminalidade.

Diante da importância desse tipo de ação para a segurança pública, o secretário Flávio Saraiva destacou que a intensificação do cumprimento de mandados não tem prazo para acabar. O objetivo é colocar na cadeia todos os indivíduos que possuem pendências com a Justiça, visando oferecer mais tranquilidade e paz aos alagoanos.

Além disso, uma equipe de capturas está sendo criada com o intuito de agilizar o trabalho de cumprimento de mandados de prisão pendentes. O foco é garantir que nenhum criminoso fique impune e que a lei seja cumprida de forma efetiva.

É importante ressaltar que a Operação Satus é mais uma ação estratégica das forças de segurança de Alagoas no combate à criminalidade. A presença ostensiva e enérgica dos agentes de segurança pública nas ruas é fundamental para garantir a ordem e a proteção da sociedade.

Jornal Rede Repórter - Click e confira!



Botão Voltar ao topo